quinta-feira, 12 de janeiro de 2023

Até agora não houve perda de vidas humanas porque as...

O número de pessoas afetadas por um deslizamento de terra no município de Rosas, no departamento de Cauca, na Colômbia, subiu para 920 pessoas nesta quarta-feira(11), enquanto a Rodovia Panamericana, principal rodovia do sudoeste do país, ainda segue fechada, por isso as autoridades tomaram medidas para resolver a situação.

Segundo o governo de Cauca, são mais de 920 afetados que fazem parte de 248 famílias que vivem nas aldeias  de Santa Clara, La Soledad, Párraga Viejo, Chontaduro, Altos de las Yerbas e La Laja.

Enquanto isso, as aldeias de Florida, Loma Bajo, Jigual, Pinzón, Berlim, Retiro, Bella Vista, Peña Blanca, Párraga e Pan de Azúcar estão incomunicáveis, disse o comunicado do governo de Cauca.

Por sua vez, o governador do departamento de Nariño (na fronteira com o Equador), Jhon Rojas, garantiu que esta região está incomunicável e pediu ao governo nacional medidas para evitar o desabastecimento.

Enquanto isso, as aldeias de Florida, Loma Bajo, Jigual, Pinzón, Berlim, Retiro, Bella Vista, Peña Blanca, Párraga e Pan de Azúcar estão...

''É preciso ver a alternativa para a irmã República do Equador”, disse o governador a jornalistas, referindo-se às alternativas de mobilidade para as pessoas que entram e saem do departamento.

O deslizamento de terra ocorreu na última segunda-feira no município de Rosas, onde o deslizamento de terras devastou casas em várias aldeias na área de La Soledad.

Até agora não houve perda de vidas humanas porque as famílias foram evacuadas anteriormente em uma operação em que a Força Aérea Colombiana (FAC), a Unidade Nacional de Gestão de Riscos de Desastres (Ungrd) e outras organizações como a Defesa Civil e a Cruz Vermelha.

Medidas aéreas

Tendo em conta os problemas causados pelo deslizamento de terra, a Aeronáutica Civil estabeleceu medidas para facilitar a conectividade aérea nos departamentos de Valle del Cauca, Cauca e Nariño, os três mais afetados.

Nesse sentido, as companhias aéreas comerciais e de carga ''poderão, a partir desta data, realizar voos adicionais, voos fretados ou séries de voos de e para os aeroportos” das cidades de Popayán, em Cauca; Cali, no Valle del Cauca; e Pasto e Ipiales, em Nariño, disse a Aeronáutica Civil em comunicado.

''A decisão visa estabelecer uma ponte aérea que permita garantir a conectividade das cidades e departamentos afetados pela emergência rodoviária”, acrescenta a informação.

Por sua vez, o ministro dos Transportes, Guillermo Reyes, afirmou que está sendo trabalhada outra alternativa para quem trafega pela Rodovia Panamericana.

 

EFE

EDIÇÃO DE ANB

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB