sábado, 8 de julho de 2023

O presidente ucraniano declarou nesta sexta-feira na Bratislava que as...

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, declarou nesta sexta-feira(7)  na Bratislava que as dúvidas da Otan sobre a entrada da Ucrânia são uma ameaça à força da Aliança e, por extensão, à segurança mundial.

''Acho que não há unidade suficiente nesta área. E isso é uma ameaça à força da Aliança”, disse Zelensky em entrevista coletiva conjunta com a presidente da Eslováquia, Zuzana Caputova.

O presidente da Ucrânia chegou hoje à capital da Eslováquia, onde se reuniu com Caputova, o primeiro-ministro eslovaco, Ludovit Odor, e outras autoridades locais.

Caputova expressou seu apoio à candidatura da Ucrânia à Aliança Atlântica e destacou que esta deve ser uma decisão soberana de cada Estado.

A Eslováquia é um país de 5,5 milhões de habitantes, vizinho da Ucrânia, e que já lhe entregou ajuda militar avaliada em quase...

''Já em 2008, os líderes da Otan em Bucareste concordaram que a Ucrânia pertence à Otan. Nem a Rússia nem qualquer outro país deve decidir sobre a adesão de um Estado soberano a uma organização, essa deve ser uma decisão soberana e dos países que compõem a organização”, destacou Caputova.

Já antes da coletiva de imprensa, a presidente eslovaca havia elogiado a “determinação” de Zelensky em uma mensagem nas suas redes sociais.

“Sua determinação inspira muitas pessoas no mundo e dá força aos seus compatriotas, que resistem à agressão russa há quase 500 dias. Ele está à frente de um país que defende seu futuro e seu direito de decidir por si mesmo”, escreveu Caputova.

A Eslováquia é um país de 5,5 milhões de habitantes, vizinho da Ucrânia, e que já lhe entregou ajuda militar avaliada em quase 700 milhões de euros, segundo cálculos do jornal “SME”, incluindo 13 antigos caças de combate MIG-29.

A Eslováquia é o terceiro país que Zelensky visita depois de ter iniciado seu périplo pela Bulgária na quinta-feira, de onde viajou para a República Tcheca antes de chegar hoje a Bratislava.

Da capital eslovaca, o presidente ucraniano planeja voar para a Turquia para se encontrar com seu presidente, Recep Tayyip Erdogan.

Estas visitas a vários aliados acontecem poucos dias antes da cúpula da Otan em Vilnius, onde as aspirações da Ucrânia de aderir à Aliança e a ajuda para combater a invasão russa serão questões centrais.

 

EFE

EDIÇÃO DE ANB

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB