sexta-feira, 31 de julho de 2015
Alternativa do Governo municipal poderá ser terceira opção entre Luís Fernando Silva e o candidato das oposições. O segundo segue mais relevante entre os demais. 

POR FERNANDO ATALLAIA
DIRETO DA REDAÇÃO

Se o grupo governista, de fato, cumprir a promessa já posta em bastidores de que lançará um nome à sucessão do atual prefeito de Ribamar, Gil Cutrim, só restará às oposições da cidade manter a coerência em torno de um igualmente único nome que faça frente à pré-candidatura ovacionada de Luis Fernando Silva no município.

Resultado de imagem para gil cutrim
Desgastado, Gil Cutrim tenta 'fazer um nome' à sua sucessão, mas caso não emplaque, tendência é apoiar Luis Fernando Silva
Com forte sentimento de mudança, mas temerosa dos desastres administrativos que vem pontuando as escolhas na Grande São Luís, os ribamarenses sonham com a possibilidade de um dia verem concretizada uma gestão arrojada, comprometida com as causas e demandas sociais locais e extermínio dos lamentáveis índices de pobreza e miséria que povoam as comunidades e bairros de Ribamar.

No pano de fundo das constatações deploráveis e em face do pleito que já se aproxima, a disputa em solo ribamarense tende a se polarizar entre o ex-prefeito e tucano Fernando e um candidato que faça frente ao retorno de Luis à titularidade do Executivo. Os Cutrins tentam emplacar um dos seus, mas não descartam apoio a Fernando Silva diante do desgaste da gestão de Gil que só se acentua. Uma forma de eles se manterem- de alguma forma- no poder, corroboram.

luis_fernando
COM FOLGA Luis Fernando com dirigentes do DEM; esta semana, partido declarou apoio à pré-candidatura do ex-prefeito em Ribamar 
Por outro lado, os oposicionistas, que pela primeira vez na história vivenciam um momento favorável à alternância na cidade, só tem a certeza de que unidos os grupos, poderiam criar certa viabilidade eleitoral àquela que vem sendo chamada de ‘a mais difícil eleição do município’.

Resultado de imagem para arnaldo colaço
O socialista Arnaldo Colaço ainda não tem a consistência necessária para uma disputa majoritária com chances de vitória; ele seria facilmente vencido
Resguardadas as vaidades, os egos inflados e imaturidades, as pesquisas realizadas recentemente na cidade balneária e guardadas a sete chaves pelos interessados, mostram um quadro onde o médico Júlio Matos, apesar de detentor da maior capilaridade eleitoral entre seus pares, alimenta  rejeição entre dezenas de  lideranças locais. O fato aponta para um nome que não ele, mas indicado por ele para representar o grupo julinista no pleito de 2016.

Resultado de imagem para julinho   sao jose de ribamar
CHEGOU A HORA DE PASSAR A BOLA? O ex-prefeito Júlio Matos(foto) enfrenta rejeição de lideranças locais que pedem indicação de novo nome do grupo para as eleições de 2016 
Já o advogado Arnaldo Colaço, incansável trabalhador midiático de sua própria carreira politica, não teria até aqui,  a 15 meses das eleições, a consistência necessária para encabeçar chapa majoritária ao Executivo. Ainda que tente a empreitada, Colaço seria facilmente vencido na disputa onde os votos de Julinho fazem toda diferença em se tratando de uma possível polarização.

Resultado de imagem para jota pinto
Jota Pinto já deixou claro interesse em se candidatar a Prefeito de São José de Ribamar; ele foi o segundo candidato mais bem votado para deputado nas eleições passadas na cidade
Se por um lado, o nome de Júlio Matos não agrada a alguns pelo perfil anacrônico que carrega, o de Colaço, pelo risco da falta de experiência administrativa vem deixando os ribamarenses de ‘orelha em pé’, instabilizados. Dai a ideia sustentada por lideranças de ambos os grupos de que uma fusão seria a única saída para aparar as deficiências existentes de seus líderes e empreender alguma unidade rumo à disputa vindoura. Nesse meio campo, aparece como alternativa o nome do ex-deputado Jota Pinto. Jota pretende ser candidato a Prefeito em São José de Ribamar e, segundo correligionários de Julinho, seria a opção certa para uma possível indicação do grupo.


Agora resta saber se eles seguirão sozinhos ou irmanados.  

Detonado por dívidas e penhoras, Vasco diz à Justiça que corre o risco de fechar as portas

Se dentro de campo a situação do Vasco é péssima, já que a equipe está na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o mesmo acontece fora dos gramados. Na Justiça, em ação movida pelos agentes do atacante Paolo Guerrero, da Think Ball, o time cruzmaltino confessou inúmeras dívidas que formam uma "bola de neve" financeira e apontou que, com as coisas piorando diariamente, pode até fechar as portas.
Vasco passa por grave crise financeira
Vasco passa por grave crise financeira 
"Como uma bola de neve, a situação se agrava a cada dia, tornando cada vez mais difícil a continuidade do clube. O risco de prejuízo irreparável é inegável", disse o Vasco à Justiça, apontando ainda "patrimônio líquido negativo" nos últimos anos e "fluxo de caixa extremamente limitado".
Vasco desembolsa altos valores mensais para quitar dívida com a Justiça do Trabalho
Vasco desembolsa altos valores mensais para quitar dívida com a Justiça do Trabalho
Só em débitos trabalhistas o Vasco precisa endereçar 30% de sua receita total, graças a acordos feitos no Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, em um Plano Especial de Execução de dívidas que também foi feito com Fluminense e Botafogo. Mais consideráveis fatias do dinheiro que entra em caixa são endereçadas a outros credores.
Clube também paga quantias altas à União para quitar débitos fiscais
Clube também paga quantias altas à União para quitar débitos fiscais
O clube paga atualmente parcelas de R$ 575 mil à Justiça carioca por mês por conta de acordos trabalhistas - a partir de outubro, a quantia subirá para R$ 600 mil. No total, a dívida em vigor com o Tribunal Regional do Rio de Janeiro está em R$ 31,45 milhões e só será finalizada em setembro de 2019, isso se o clube consiga pagar em dia.
Além dos débitos trabalhistas, o Vasco possui problemas tributários e desembolsa R$ 1.280.055,08 mensais por créditos públicos em dívida ativa. A quantia vai subir para R$ 1.645.782,11 por mês a partir da semana que vem. Ainda restam R$ 62.637.024,20 para terminar de quitar o total, o que só vai acontecer em julho de 2018.
Essa dívida com a União, aliás, é um dos motivos de o caixa cruzmaltino estar comprometido, já que os contratos com a Globo estão em grande parte penhorados. 
Em outra decisão, esta de abril deste ano, o juiz Aylton Cardoso Vasconcellos determinou que sejam retidos 30% dos valores pagos pelo sistema Globosat por conta de processo movido pela Play Participações, que monta a R$ 1.133.433,64. Já o advogado Marcelo Macedo, que prestava serviços à agremiação e ingressou com processo no ano passado, conseguiu o bloqueio de 5% mensais da TV.
Eurico Miranda dirige o Vasco diante de forte crise financeira

Outros 10% da verba oriunda das cotas televisivas são bloqueados devido a dívidas com INSS e Fenapaf, sendo 5% de cada. Ainda em fevereiro, por exemplo, a Globo direcionou R$ 94.666,67 à agremiação carioca de uma parcela por exploração internacional da marca Vasco, mas exatos R$ 4.733,33 foram de reembolso para cada um dos órgãos.
O patrocínio da Caixa é outro que está retido por alguns calotes antigos vascaínos. Como exemplo, desde setembro do ano passado que 10% da grana vinda da estatal é bloqueada mensalmente por conta de uma dívida de R$ 1,452 milhão com o Clube Paineiras do Morumby.
Para se ter uma ideia do rombo cruzmaltino, em fevereiro deste ano o Vasco tinha direito a receber um boleto de R$ 2.638.384,65 da TV referente a uma cláusula do contrato de direitos de imagem. Só que não conseguiu sequer ver nem a cor do dinheiro.
Os valores foram todos redirecionados para quitar dívidas: R$ 100 mil para o ex-zagueiro Mauro Galvão, R$ 1.476.799,55 por acordo com a Procuradoria, R$ 60 mil em cessão de crédito ao BMG, R$ 300 mil ao BCV, R$ 132 mil à Fenapaf, R$ 273.611,76 à CBF, R$ 120 mil ao senador Romário, e por aí em diante. Assim, não sobrou nem um mísero centavo ao clube. O ex-camisa 11, por sinal, recebe cerca de R$ 160 mil por mês do Vasco, em dívida que totaliza hoje R$ 13 milhões.
Tomado por dívidas, Vasco disse à Justiça que corre o risco de fechar
Tomado por dívidas, Vasco disse à Justiça que corre o risco de fechar
O dinheiro da Globo tem sido o principal apoio do Vasco no momento de desespero financeiro. Segundo documento que o clube enviou à Justiça para garantir as execuções, a TV pagará ao clube, somente em 2015, R$ 48.779.196,00. No ano que vem, a quantia irá quase duplicar: vai para R$ 89.195.992,00. Já em 2017, alcançará R$ 91.325.914,00. Em 2018, chegará a R$ 94.455.996,00.
No caso do débito com a Think Ball, empresa que agencia dezenas de jogadores, como o flamenguista Guerrero, o clube pode sofrer penhora do patrocínio com a Guaraviton, que estampa a manga do uniforme vascaíno. A Justiça ainda não respondeu ao pedido dos empresários, mas caso uma nova penhora ocorra a "bola de neve" cruzmaltina vai aumentar ainda mais.
Dentro de campo, a situação é igualmente péssima. Com apenas 12 pontos no Brasileirão, o Vasco está na 18ª colocação e dentro da zona de rebaixamento da competição. Só que, se no domingo o Coritiba vencer o Goiás e o Joinville derrotar o Avaí, o time carioca pode encerrar a rodada na lanterna. O próximo jogo pela Série A é só em 9 de agosto, contra o próprio Joinville.
Clube está com cotas de TV penhoradas por várias dívidas na Justiça

Em Paço do Lumiar, Prefeitura lança edital para eleição do Conselho Municipal de Mulher

A Secretaria Municipal Extraordinária de Políticas para Mulheres de Paço do Lumiar (Semup) inscreve, no período de 10 a 14 de agosto, entidades, movimentos e organizações reconhecidas e constituídas legalmente ligadas à promoção e à proteção dos direitos das mulheres, para eleição de membros do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM). O edital foi lançado nesta quarta-feira, 29, e está disponível para consulta no site da Prefeitura de Paço do Lumiar (www.pacodolumiar.ma.gov.br).
A participação é validada àquelas em atuação há, pelo menos, 01 (hum) ano, com o desenvolvimento de atividades – alvo que incluem ainda, redes e articulações feministas e de defesa dos direitos das mulheres, e também organizações de caráter sindical, associativa, profissional ou de classe que atuem na defesa da democracia e na promoção da igualdade social e dos direitos do gênero.
Resultado de imagem para PAÇO DO LUMIAR

A eleição do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher acontecerá durante a III Conferência Municipal de Políticas para Mulheres, no dia 04 de setembro, e será composto por 6 (seis) entidades da Sociedade Civil organizada, que indicarão seus representantes titulares e respectivos suplentes, conforme o Art. 5ª da Lei nº 366/2007.
Para a secretária da Mulher, Carla Sousa, as discussões e composição do CMDM representa o compromisso do poder público municipal, na fiscalização, promoção e fortalecimento das políticas de gênero. “Essas políticas serão mais acentuadas no município a partir de agora, devido Paço do Lumiar constar de uma secretaria voltada ao público feminino, uma iniciativa da gestão do prefeito Josemar Sobreiro que há dois anos vem mudando a forma de assistir e promover os direitos das mulheres luminenses”, afirmou Carla.
As entidades interessadas devem preencher o requerimento junto ao protocolo da Secretaria Municipal Extraordinária de Políticas para Mulheres, situada na Avenida 13, Rua 53, Quadra 146, Nº 13, Maiobão, das 8h às 17h, de acordo com as disposições de data e documentação contidas no edital.
Mais informações sobre a conferência e processo eleitoral do CMDM podem ser obtidas no site da Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar (www.pacodolumiar.ma.gov.br) e na própria secretaria.
Leia aqui a íntegra do edital.

Matéria enviada por Coordenação de Comunicação da PMPL

Maranhão é 2° no Nordeste com mais vítimas de tráfico de pessoas

O Ministério da Justiça divulgou nesta quinta-feira (30), Dia Mundial de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, o mais recente relatório nacional sobre tráfico de pessoas.
Resultado de imagem para TRÁFICO DE PESSOAS

O documento de acordo com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, são ainda uma pequena mostra da realidade a ser enfrentada. “são necessárias mais denúncias, maior conscientização, maior integração e ações conjuntas do Estado e da sociedade para que este crime possa ser erradicado”.
Resultado de imagem para TRÁFICO DE PESSOAS
“são necessárias mais denúncias, maior conscientização, maior integração e ações conjuntas do Estado e da sociedade para que este crime possa ser erradicado”.
Durante a apresentação do relatório, o secretário Nacional de Justiça, Beto Vasconcelos, destacou a atuação do Departamento de Polícia Rodoviária Federal que, conforme o documento, em 2013 havia retirado 590 crianças e adolescentes de pontos vulneráveis à exploração sexual nas rodovias brasileiras.
Resultado de imagem para TRÁFICO DE PESSOAS
A exploração sexual figura como a principal atividade do tráfico de pessoas existentes, mas a não se restringe a essa finalidade
A exploração sexual figura como a principal atividade do tráfico de pessoas existentes, mas a não se restringe a essa finalidade. Segundo relatório global das Nações unidas, outras formas de exploração, segundo o relatório, estão ligadas ao trabalho escravo, remoção de órgãos, adoção irregular e com fins financeiros, por exemplo. A mendicância forçada também foi observada como uma prática do tráfico de pessoas, muitas vezes vinculada ao tráfico de drogas e outras modalidades.
Resultado de imagem para TRÁFICO DE PESSOAS

Os dados do relatório apresentado referem-se ao ano de 2013, e foram baseados em importantes informações sobre as vítimas brasileiras de tráfico internacional de pessoas, fornecidas pela divisão de Assistência Consular do Ministério das relações Exteriores. No total, foram registrados 62 casos no exterior.
Resultado de imagem para TRÁFICO DE PESSOAS
No Maranhão 11 denúncias foram registradas entre 2012 e 2013, mas o número de vítimas chegou a 26, segundo os dados do Disque 100
No Maranhão 11 denúncias foram registradas entre 2012 e 2013, mas o número de vítimas chegou a 26, segundo os dados do Disque 100, da Secretaria de Direitos Humanos. Com três casos a mais, a Bahia encabeça a lista com mais vítimas na região Nordeste.

N° de visitas

relogio

Facebook

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:

(98) 9 8767-7101

E-mail:

agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com



Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB