ELEIÇÕES 2012: FORTUNAS SERÃO GASTAS COM CAMPANHAS




 

Candidatos das capitais preveem gasto de até R$ 1,2 bi em campanhas

 

 

 

Valor equivale ao orçamento do programa Brasil Carinhoso em 2012. 192 candidatos disputam as prefeituras de 26 capitais brasileiras

      




Do Globo.com







Os 192 candidatos que disputam o comando das prefeituras de 26 capitais brasileiras preveem, juntos, gasto de até R$ 1,254 bilhão nas campanhas eleitorais deste ano. A cifra foi levantada pelo G1 com base nos dados entregues pelos candidatos à Justiça Eleitoral.







Os valores são uma estimativa do limite de gasto máximo para a campanha e podem ou não ser efetivamente empenhados. Pela lei, gastar recursos além do valor máximo pode resultar em multa. Uma resolução do TSE - veja aqui - permite a ampliação do limite durante a campanha "mediante solicitação justificada" com a autorização da Justiça Eleitoral.

A soma dos vinténs não é o suficiente para os gastos milionários das campanhas deste ano








Pela legislação atual (artigo 20 da Lei das Eleições - clique aqui para ver), a verba destinada para as campanhas é oriunda tanto de recursos privados - por meio de doações, por exemplo - quanto de recursos públicos - por meio do Fundo Partidário.






O montante de R$ 1,2 bilhão equivale ao orçamento do Brasil Carinhoso em 2012. O programa, lançado pela presidente Dilma Rousseff no último Dia das Mães, prevê ampliação do Bolsa Família para quem tiver filhos de até seis anos de idade.




Quanto deste montante empregado nas campanhas políticas teria origem no dinheiro público ?




O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) disponibilizou o site sobre dados dos candidatos de todo o país no começo de julho e informou que até este domingo (15) o lançamento das informações sobre as candidaturas em todas as cidades seria concluído.







PREVISÃO DO LIMITE DE GASTOS COM CAMPANHAS




CapitalNúmero de candidatosPrevisão de gastos
(em R$)
São Paulo (SP)12341.500.000,00
Belo Horizonte (MG)880.700.000,00
Curitiba (PR)871.150.000,00
Salvador (BA)662.300.000,00
Fortaleza (CE)1059.710.000,00
Goiânia (GO)854.525.000,00
Rio de Janeiro (RJ)850.250.000,00
Campo Grande (MS)749.725.000,00
Belém (PA)1045.000.000,00
Manaus (AM)939.500.000,00
Porto Velho (RO)938.380.000,00
São Luis (MA)834.550.000,00
Vitória (ES)733.700.000,00
Maceió (AL)631.500.000,00
Porto Alegre (RS)730.600.000,00
Recife (PE)829.050.000,00
Palmas (TO)728.200.000,00
Cuiabá (MT)627.800.000,00
João Pessoa (PB)726.645.000,00
Aracaju (SE)522.200.000,00
Florianópolis (SC)619.200.000,00
Natal (RN)618.560.000,00
Boa Vista (RR)418.030.000,00
Teresina (PI)716.275.000,00
Macapá (AP)715.600.000,00
Rio Branco (AC)610.245.000,00
TOTAL1921.254.895.000,00



Fonte: Tribunal Superior Eleitoral



 



Morre em Nova York atriz indicada ao Oscar






AFP





A atriz americana Celeste Holm, menina que não podia dizer "não" no musical original de "Oklahoma!", morreu, aos 95 anos, anunciaram a família e a imprensa neste domingo.


Celeste, ganhadora do Oscar de melhor atriz em 1948, por seu papel em "A Luz é para Todos", e que estrelou "Alta Sociedade" (1956), morreu em casa, na cidade de Nova York. Ela havia sido internada uma semana antes, segundo a sobrinha Amy Philipps, citada pela rede de TV CNN. "Ela morreu em paz, em sua cama, na companhia do marido, dos amigos e dos parentes mais próximos".




A atriz Celeste Holm: o mundo perde um grande talento




A atriz também foi indicada ao Oscar em 1950, por "Come to the Stable", e 1951, por "A Malvada", protagonizado por Bette Davis. Mas o papel pelo qual Celeste ficou conhecida foi o de "Ado Annie" na produção original "Oklahoma!", de 1943, em que cantava o tema principal exclamando: "Não posso dizer não!" Filha de um corretor de seguros norueguês e uma escritora e artista americana,



Celeste casou-se cinco vezes, a última delas com Frank Basile, 46 anos mais jovem, em seu aniversário de 87 anos. Pouco depois, viu-se envolvida em um litígio que durou anos e lhe custou 2 milhões de dólares em honorários.




Em 2011, a atriz confirmou que não falava mais com os filhos.



“Isso é coisa do grupo da Bia Aroso”, diz professor Josemar sobre factoide de não desincompatibilização




Do blog do Robert Lobato




O candidato a prefeito de Paço do Lumiar, professor Josemar Sobreiro (PR) disse ao blog que o grupo da atual prefeita municipal anda divulgando de forma criminosa que ele está fora das eleições municipais deste ano.



Professor Josemar e Marconi, o vice: candidatura segue firme e forte




Professor Josemar afirmou que “basta o Ministério Público verificar os documentos entregues quando do seu registro da minha candidatura que encontrará o requerimento de servidor, no qual solicito licença para tratamento de interesse particular, e que foi deferido em novembro de 2011″.



De fato, a Portaria nº 1.050/2011-GAB/SSP, expedida pelo Secretário Estadual de Segurança Pública, confirma as informações do candidato. Veja:





Líder em todas as pesquisas eleitorais até aqui, professor Josemar é o principal candidato de oposição ao esquema Bia Aroso, que transformou o município de Paço do Lumiar em uma terra arrasada pela incompetência administrativa e pela corrupção desenfreada, tanto que a prefeita não teve condições de sair candidata à reeleição.
O candidato a vice-prefeito na chapa do professor Josemar é o competente advogado Marconi Lopes (PSL).
Pelo jeito, o grupo da prefeita mais enrolada do Brasil caiu.



Lula e Eduardo Paes são multados por propaganda antecipada no Rio de Janeiro




Aiuri Rebello
Do UOL, em São Paulo





O prefeito do Rio de Janeiro e candidato à reeleição, Eduardo Paes (PMDB), foi condenado pela Justiça Eleitoral por propaganda antecipada neste sábado (14), junto com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Eles receberam uma multa de R$ 5.000 cada um.





A representação na Justiça foi apresentada pelo PSDB, do candidato Otávio Leite, por conta da inauguração do BRT Transoeste (corredor exclusivo para ônibus), no bairro de Santa Cruz, no dia 6 de junho, antes do prazo oficial para início da campanha, no último dia 6. Um dia depois, ficou proibida a inauguração de obras públicas com a presença de candidatos.



Lula: multado no Rio de Janeiro por propaganda eleitoral antecipada



De acordo com a sentença da juíza Ana Paula Pontes Cardoso, da 192ª Zona Eleitoral, Lula e Paes participaram juntos da inauguração, e na ocasião o ex-presidente foi explícito ao falar da candidatura do prefeito à reeleição.




“Verifica-se terem os representados comparecido a evento de inauguração do BRTransoeste,durante o qual o segundo representado [Lula] afirmou não ter se arrependido de votar no primeiro [Paes] nas eleições passadas, mas ainda, que iria faze-lo nas eleições vindouras”, afirma a sentença. “Neste passo, o primeiro representado informa que ainda há muito por fazer, em clara alusão à sua reeleição”.




Apesar das declarações, Lula é eleitor em São Bernardo do Campo, no ABC, e não vota no Rio de Janeiro.




Através de sua assessoria de imprensa, o ex-presidente disse que não foi notificado sobre a condenação, e que não ia comentar o assunto.

Postagens populares

top