URGENTE! BANDIDOS ROUBAM CERCA DE R$ 20 MIL EM CORREIOS DE HUMBERTO DE CAMPOS

Bandidos roubam cerca de R$ 20 mil em Correios de Humberto de Campos
Dois homens estão sendo procurados pela polícia acusados de roubar a agência dos Correios de Humberto de Campos, no interior do Maranhão. Eles entraram armados no estabelecimento por volta de 16h, quase no fim do expediente, nesta terça-feira (25).


 De acordo com informações da polícia, parte do dinheiro foi retirado do caixa
 De acordo com informações da polícia, parte do dinheiro foi retirado do caixa. Funcionários foram rendidos, mas ninguém ficou ferido. 

Calcula-se que cerca de 20 mil reais foram roubados.

As informações são do iDifusora
Advogado de defesa diz que prefeita deve se entregar nas próximas horas

CONIVENTE? Carlos Sérgio de Carvalho assumiu o caso ontem e já adiantou que a gestora continua no Maranhão
Em entrevista à TV Difusora, na tarde desta terça-feira (25), o advogado de defesa da prefeita de Bom Jardim informou que a cliente Lidiane Leite deve se entregar, no máximo, até amanhã. 

Carlos Sérgio de Carvalho assumiu o caso ontem e já adiantou que a gestora continua no Maranhão. 

Resultado de imagem para LIDIANE  PREFEITA
A prefeita corrupta Lidiane: ainda no Maranhão, conforme seu advogado 
Um pedido de habeas corpus deve ser feito ainda hoje. 

Assista a reportagem de Ciro Mineiro no Jornal da Difusora que começa logo mais às 19h20.

Irregularidades em um contrato no valor de R$ 327,6 mil, firmado em março de 2013 entre a Prefeitura de Paço do Lumiar e o escritório de advocacia Daniel Leite Advogados Associados, levaram os promotores de justiça Gabriela Tavernard, Reinaldo Castro Junior e Raquel Castro, a ajuizar, em 1º de julho, Ação Civil por Ato de Improbidade Administrativa, contra o advogado Daniel de Faria Jeronimo Leite e seu escritório; e outros três réus, todos integrantes da administração municipal.

Os representantes do Ministério Público do Maranhão (MPMA) também citam como réus o procurador-geral do Município, Bruno Leonardo Silva Rodrigues; o secretário-adjunto de Administração e Finanças,Gustavo Cunha Serra; e a presidente da Comissão Permanente de Licitação de Paço do Lumiar (CPL), Adriana Aguiar Batista Nonato.

Resultado de imagem para josemar sobreiro
O atual ocupante da prefeitura, Josemar Sobreiro: Ministério Público na cola 
A Ação é fundamentada nas apurações sobre o contrato n° 004/2013, de 7 de março de 2013, referente à prestação de serviços, pelo escritório ao Município de Paço do Lumiar, de acompanhamento de processos judiciais; ajuizamento de ações e confecção, interposição e acompanhamento de recursos, dentre outros.

SEM COTAÇÃO PRÉVIA

Disputaram a tomada de preços nº 01/2013, de 8 de fevereiro daquele ano, os escritórios Daniel Leite Advogados Associados e Nelson Vinhais Advogados Associados. O primeiro foi o único a comparecer à sessão de recebimento de propostas do procedimento licitatório e contratado pelo valor R$ 327,6 mil, apesar da legislação indicar a necessidade de deflagração de novo processo licitatório.
Resultado de imagem para bruno leonardo procurador de paço do lumiar
Bruno Leonardo figura no Processo como réu
"Não havendo outra empresa participante do certame e nem dispondo a administração de parâmetros dos preços praticados no mercado, através de cotação prévia, pode-se concluir a total irregularidade do procedimento licitatório, mediante afronta aos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade e eficiência", destacam os promotores, na ação.
Ainda, de acordo com eles, sem cotação prévia, a possibilidade de participação de um número maior de empresas no certame foi reduzida. "Diante de uma só proposta apresentada e dos indícios de favorecimento da empresa contratada, resta a conclusão de que à administração não foi possível aferir se a empresa Daniel Leite & Advogados Associados apresentou a melhor proposta", acentuam.

DATAS ANTERIORES

Os promotores também verificaram que o termo de homologação do procedimento licitatório, que faz referência ao valor de R$ 300 mil, diverge da proposta apresentada na sessão e do termo de adjudicação, que cita o valor de R$ 327,6 mil. Além disso, a data do termo, 18 de fevereiro de 2013, é anterior à data do parecer favorável da Procuradoria Geral do Município, que foi de 21 de fevereiro daquele ano.

TERMO ADITIVO

Durante as investigações sobre o contrato, a assessoria técnica do Centro de Apoio Operacional da Probidade Administrativa (CAOp-ProAd), do MPMA, constatou a ausência da publicação do primeiro termo aditivo do contrato n° 004/2013. Foi verificado, ainda, que não foram publicados decretos municipais delegando ao secretário Gustavo Cunha Serra a competência para autorizar a tomada de preços, homologar a licitação e assinar o termo aditivo.

Os promotores caracterizam como "injustificável" a realização de um processo licitatório para contratação de escritório de advocacia, uma vez que o Município de Paço do Lumiar tem uma Procuradoria estruturada. Como o Município tem corpo técnico de procuradores, a contratação de serviços na área do Direito só seria viável se fosse necessária a prestação de serviços técnicos especializados.
PEDIDOS

Na Ação, os promotores de justiça requerem que o Poder Judiciário condene os gestores municipais à perda de suas funções públicas; à suspensão de direitos políticos, pelo período de três a cinco anos; ao pagamento de multa de até cem vezes o valor da remuneração recebida à época do processo licitatório.


No que se refere ao advogado Daniel de Faria Jeronimo Leite e seu escritório, o MPMA solicita a condenação à proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais pelo prazo de três anos, como é o caso

Prefeita foragida, Lidiane pode ser incluída hoje em lista de procurados da Interpol
Caso não se apresente na sede da Polícia Federal até o final desta terça-feira (25), a prefeita foragida de Bom Jardim Lidiane Leite, deve ter seu nome incluso na lista vermelha da Interpol.