Livro de ata some e porta de acesso ao público é fechada
Vereadores aliados de Léo Coutinho faltam à sessão para impedir convocação de secretário de Saúde.

Na sessão da Câmara Municipal de Caxias em que seria votado um requerimento do vereador Catulé convocando o secretário de Saúde do município, Vinicius Araújo, para prestar esclarecimentos sobre a situação real da rede pública que é constantemente alvo de reportagens negativas na imprensa nacional, os vereadores da base aliada de Léo Coutinho, com exceção de Paulo Simão, preferiram boicotar a sessão para que o requerimento explosivo não fosse aprovado, ou mesmo votado.

Numa demonstração clara que a Mesa Diretora da Casa do Povo segue rigorosamente as ordens do Palácio da Cidade, nem mesmo o livro de ata que registra o andamento das sessões, e que deve estar disponível no meio da tarde para que os vereadores possam se inscrever para discursarem no grande expediente, simplesmente havia sumido. Isso mesmo. O livro de ata não foi encontrado e nem mesmo o funcionário responsável pelo mesmo se encontrava nas dependências do prédio da Câmara, numa demonstração que seguia ordens superiores para não estar acessível na noite desta quarta-feira, 02.

Vereadores governistas preferem ouvir Humberto Coutinho na Casa de Saúde que exercer o papel para o qual foram eleitos

As portas de acesso do público para assistirem a sessão também estava fechada, o que nunca acontece.

A bancada oposicionista estava presente e lamentou a ausência dos demais colegas. “É uma pena que diante de assunto tão importante, que é a convocação de um secretário do município para prestar esclarecimentos aos vereadores e à população, meus pares boicotem a sessão”, lamentou Catulé, que é o autor do requerimento que prevê a convocação de Vinicius Araújo.

Embora ausentes da Câmara Municipal nesta quarta-feira, 02, onde deveriam exercer o papel para o qual foram eleitos, os vereadores governistas preferiram estar na Casa de Saúde, clínica de propriedade de Humberto Coutinho, onde foram participar de mais uma reunião junto a fantasmas e mensalinhos.

Essas reuniões corriqueiras na Casa de Saúde seguem sempre o mesmo script, onde alguns mensalinhos de baixa patente ensaiam uma reclamação por um assunto qualquer e o deputado Humberto Coutinho pede empolgação a todos e que agora a coisa vai.

Na atual legislatura, a Câmara Municipal de Caxias nunca representou tão bem aquele comentário maldoso recorrente em toda roda de conversa, de que seria a “cozinha da Prefeitura”.

Pelo andar da carruagem, o titular do blog acredita que a Câmara Municipal caminha para ser um cômodo da casa bem menos agradável que a cozinha.


AS INFORMAÇÕES SÃO DO BLOG DO SABÁ
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE 
Secretário de Ciência de Tecnologia do Governo do Estado esteve hoje, dia 02, em Brasília em encontro organizado pelo jurista Rossini Correia
Projeto da candidatura de Bira do Pindaré a Prefeito de São Luís foi avalizado em consenso pela Direção Nacional do PSB, por mais uma vez.

POR FERNANDO ATALLAIA
EDITOR-CHEFE DA AGÊNCIA BALUARTE

O retorno do secretário de Educação e Tecnologia do Maranhão, Bira do Pindaré, a Brasília na manhã de hoje (2), não foi por menos. O PSB, partido do qual Bira é um dos quadros mais representativos na Grande Ilha, aposta nele para concorrer à vaga do atual prefeito Edivaldo Holanda Júnior no presente pleito.

O secretário Bira do Pindaré na manhã de hoje em vista a Brasília com o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira(ao meio) e Rossini Correia: partido ratifica por mais uma vez interesse na candidatura do socialista a Prefeito de São Luís 
A convite do jurista, escritor e intelectual brasileiro Rossini Correia e do presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira, Bira esteve reunido com correligionários e entusiastas de seu nome ao Executivo da capital maranhense. Mais que isso: as idas do secretário a Brasília deixam claras as intenções do PSB que espera lançar uma candidatura própria ao Executivo ludovicense, o que já foi bem avalizado na primeira ida de Bira do Pindaré a Brasília.

Conforme noticiou em primeira mão naquela ocasião a Agência Baluarte, cresce a cada dia a expectativa da legenda e de setores sociais locais em torno do nome do secretário à sucessão do atual prefeito de São Luís. Ainda que goze de outros possíveis postulantes à cadeira de Holanda Júnior, a sigla não abrirá mão da consolidação do nome de Bira para a corrida eleitoral que já começa a se acirrar.

O PSB nacional quer vê-lo prefeito da capital maranhense. E essa é uma verdade irrefutável.  
Ricardo Duailibe se posicionou contra ''influência negativa'' de alguns Blogs 
Na Sessão Plenária Administrativa do Tribunal de Justiça do Maranhão, desta quarta-feira (2), o desembargador Ricardo Bugarin Duailibe apresentou aos demais integrantes da Corte posicionamento contra a interferência e ilações acerca de decisões de 2º Grau que tem sido feitas em blogs locais, principalmente as que envolvem políticos. Segundo ele, alguns blogs têm tentado influenciar decisões do Judiciário, posicionamento da sociedade, atacando diretamente a isenção do Judiciário. 
Desembargador Ricardo Duailibe terá que revelar o nome dos blogueiros 
''Sucede que alguns poucos blogs nesta cidade, ultrapassando a tênue linha que protege a liberdade de expressão, garantida constitucionalmente, vem tentando, de modo reiterado, ardilosamente influenciar as decisões de magistrados – como ocorreu no plantão do último final de semana sob meu encargo – publicando irresponsavelmente fatos com a clara intenção de ofender e caluniar, notadamente quando envolve julgamentos de políticos, razão pela qual se pode concluir que não se trata de uma ação individual irresponsável e leviana do blogueiro, mas sim a mando de terceiros, evidência clara, portanto, de um delito compartilhado”, afirmou o desembargador.
Ao que o Blog do Filipe Mota, prontamente respondeu em matéria publicada: 

''Entretanto, o nobre desembargador, para ter sido justo e coerente, deveria ter tido a coragem de citar o nome dos blogs e dos blogueiros que agiram de maneira irresponsável e leviana, afinal, da mesma forma que Ricardo Duailibe se sentiu atingido perante a sociedade, vários blogueiros que procuram agir dentro da ética e da legislação, com essa reclamação incompleta, também tem o direito de se sentir atingidos perante a sociedade, pois podem ser colocados na vala comum. Assim como falam por aí que existem Desembargadores que vendem sentenças e não dão nomes, da mesma forma, Duailibe precisaria dar nome aos Blogueiros. 

Ricardo Duailibe teve o apoio dos demais desembargadores e do presidente do TJ, Cleones Cunha, e terá o apoio deste Blog e de outros que agem com correção, desde que ele ajude a separar o “joio do trigo”. 



COM INFORMAÇÕES DO BLOG DO MM

EDIÇÃO DO BLOG ANB ONLINE 

Direção nacional do PPL aclama pré-candidatura de Zé Luis Lago à prefeitura de São Luis

O médico Zé Luis Lago foi aclamado pré-candidato a Prefeito de São Luís em encontro realizado pela Direção Nacional do PPL em São Paulo. Na ocasião, Zé Luis e o presidente nacional do partido, Sérgio Rubens foram ladeados por vários dirigentes paulistanos e nacionais.  


11694936_963934247028758_2501008711277424590_n
O pré-candidato a Prefeito de São Luís, Zé Luis Lago na Nacional do partido; PPL aposta nele para salvar a capital maranhense do abandono 
''Zé Luis Lago terá a tarefa de levar as grandes administrações que São Luis teve quando das gestões do seu irmão Jackson Lago, o qual Zé Luis acompanhou e auxiliou de perto por três mandatos'', frisa nota da Nacional do PPL.


Holandinha terá que bater Zé Luís Lago na corrida eleitoral; PPL promete partir pra cima
Mediante a tarefa estabelecida pela legenda, o pré-candidato Zé Luis Lago, a partir deste mês(março) irá realizar visitas em todos os bairros da capital maranhense para ouvir a população, visando a elaboração do seu programa de governo.

Agora é aguardar. 

COM INFORMAÇÕES DO FALAIH
REVISÃO E EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE
Defensor público do Maranhão                                                                        dispensa nomenclatura e ganha redes sociais

Renan Reis colocou um aviso: "O nome do defensor é Renan".

Atitude foi valorizada pela defensora geral do Estado.

Um aviso colado na porta do seu gabinete por um Defensor Público de Lago da Pedra, a 305 km de São Luís, chamou a atenção nas redes sociais. O comunicado diz: “O nome do Defensor Público é Renan. Não é Doutor. Não é Excelência. Não é Senhor. É, simplesmente, Renan”. A postagem teve mais de 1,4 mil compartilhamentos.

A repercussão nas redes sociais chegou a assustar o jovem defensor público de 28 anos, Renan Barros dos Reis. “Em um primeiro momento eu fiquei confuso. Depois refleti que essa era uma atitude que devia ser normal no funcionalismo público. O respeito que nós devemos ter é pelo nosso serviço, não por uma nomenclatura”, disse.

Renan, como prefere ser chamado, explicou que colocou o comunicado na intenção de ficar mais próximo às pessoas atendidas por ele, tentando compreender melhor como eles gostariam de ser atendidos. Na sua visão, algumas nomenclaturas servem apenas para “oprimir pessoas mais humildes”.

Aviso foi colocado na Defensoria Pública de Lago da Pedra (Foto: Arquivo Pessoal/ Renan Reis)
'PALETÓ INTIMIDA' Outra atitude simples adotada pelo defensor foi o uso de camisetas da Defensoria Pública para atender ao público. Nas camisetas há os escritos “Você não está sozinho” nas costas, que define bem o espírito da entidade.
“Na Defensoria Pública nós atendemos pessoas que não ter recursos, pessoas pobres, necessitadas, muito humildes. E elas tinham um travamento para falar. Resolvi colocar o aviso na intenção de ‘quebrar o gelo’. Isso quebrou um paradigma. Falar a linguagem deles”, contou Renan.

O dia-a-dia da Defensoria de Lago da Pedra mudou depois do comunicado. Muitas pessoas já entram rindo na sala depois de lerem o aviso na parede. E, segundo Renan, isso ajuda a conquistar a confiança delas. “Como eles entram mais descontraídos eu consigo tirar informações importantes que ajudam a própria pessoa”, disse.

Consultas mais informais tem ajudado a população em Lago da Pedra (Foto: Arquivo Pessoal/ Renan Reis)

Consultas mais informais tem ajudado a população em Lago da Pedra

Renan que é carioca e foi criado em Teresina está ocupando o cargo de defensor público em Lago da Pedra desde setembro de 2015. Sobre o futuro na carreira, ele disse que deseja continuar ajudando as pessoas. “É como uma pitada de sal em um barril de água. Pode não mudar o barril, mas muda o sabor da água”, finalizou.

‘Paletó intimida’
Outra atitude simples adotada pelo defensor foi o uso de camisetas da Defensoria Pública para atender ao público. Nas camisetas há os escritos “Você não está sozinho” nas costas, que define bem o espírito da entidade.

Inspiração

Renan prestou mais de 30 concursos públicos antes de ser nomeado na Defensoria Pública doMaranhão. Ele chegou a ser aprovado para a magistratura no Rio Grande do Norte, mas declinou do cargo por querer participar mais efetivamente da vida das pessoas.

Antes de entrar na Defensoria, Renan trabalhou por três anos como assistente de juiz. “As histórias já chegam prontas para os juízes. Decidi que queria ajudar a contar essas histórias”, disse Renan.

O jovem conta que a inspiração maior para ajudar as pessoas veio de casa, observando seus pais que sempre ajudavam ao próximo. “Sempre seguindo aquela máxima de fazer para o outro o que você gostaria que fizessem por você”, explicou.

Essência da Profissão
Para o defensor, muito mais do que compreendidas as pessoas precisam ser amadas. “As pessoas que procuram a Defensoria Pública já vem sofrendo por uma série de fatores como saúde de má qualidade, educação de má qualidade. A Defensoria Pública deve quebrar essas barreiras, atendendo bem essas pessoas”, disse.

Quem tirou a foto do comunicado e colocou nas redes sociais foi a defensora geral do Estado, Mariana Albano de Almeida(foto). Ela disse que achava o aviso muito interessante, pois esse era o espírito da Defensoria
Quem tirou a foto do comunicado e colocou nas redes sociais foi a defensora geral do Estado, Mariana Albano de Almeida. Ela disse que achava o aviso muito interessante, pois esse era o espírito da Defensoria.

Caso

Renan conta que seu jeito descontraído já deu um final diferente a algumas histórias. Certa vez, uma senhora o procurou para se separar do marido. Foi marcada, então, uma audiência de conciliação do casal. Depois de muita conversa eles chegaram à conclusão de que o que faltava na relação era diálogo. “Ali mesmo eles se deram as mãos e resolveram não se separar mais”, contou Renan. Questionado pelo G1 se a função do defensor também é ser uma espécie de terapeuta de casais, Renan riu e disse: “A função é compreender essas pessoas”.

Contraponto

Em outubro de 2015 um caso oposto também teve repercussão no Maranhão. O médico João Bentivi xingou um farmacêutico que não entendeu a letra dele em uma receita. A nova receita seguiu com a prescrição e com um bilhete para o farmacêutico, que foi chamado de imbecil e analfabeto.

“Na realidade eu tô até um pouco arrependido, porque na hora que eu fiz aquele bilhete, eu me igualei a ele. Eu de fato não deveria ter feito aquele bilhete. Mas já tá feito. E eu reitero os adjetivos postos pra ele”, disse o médico.

AS INFORMAÇÕES SÃO DO G1 MA

EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE 
POESIA SEMPRE!
Leia o poema ‘Se’ da obra inédita Horizontes Fustigados de autoria do poeta e jornalista maranhense Fernando Atallaia

Se

À Stoya

Se ela pede vinho, ele a toma carne
Ancas de delicias apontando neurônios sobre ideias
As mais iluminadas torres em seus lábios colidindo

'Se ela quer alturas (in)exploradas
Há de darem a ela o precipício ainda fundo'
Se ela pede água, ele a toma leite
O último pingo das vacas secas de estrada
Almas tristes se enros